Cientistas dizem ter descoberto o que desencadeia a reação alérgica aos pêlos do gato. Esta descoberta pode levar a novos tratamentos.

alergia a gatos

Pesquisadores da Universidade de Cambridge descobriram que a interação entre uma proteína no pêlo de gato e uma toxina bacteriana comum faz com que o sistema imunológico seja ativado, desencadeando os sintomas alérgicos. O estudo pode levar a novos tratamentos para pessoas com alergias, dizem cientistas.

A reação alérgica é desencadeada quando a proteína Fel d1 , que é encontrado em células mortas da pele dos gatos , interage com uma toxina bacteriana ambiental comum conhecido como lipopolissacáridos (LPS) , que ativa um receptor imunitário chamado  TLR4. Isso  provoca sintomas comuns, como coceira nos olhos , tosse, espirros e respiração ofegante .

No estudo , os investigadores utilizaram um medicamento que inibe a resposta TLR4 e foram capazes de prevenir uma resposta inflamatória ao pêlo de gato .

“À medida que as drogas forem sendo desenvolvidas para inibir o receptor TLR4 , estamos esperançosos de que nossa pesquisa possa levar a novos e melhores tratamentos também para os cães, os animais que mais sofrem com as alergias aos pelos dos gatos”, o autor principal, Dr. Clare Bryant disse em um comunicado de imprensa.

TLR4 também é conhecida por desempenhar um papel nas alergias por ácaros.

As reações alérgicas ocorrem quando o sistema imunológico reage exageradamente a um perigo, algo como pêlo de gato, como  bactérias nocivas.

 

A pesquisa foi publicada no The Journal of Immunology .

25 de julho de 2013

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com